Tudo a mesma coisa

A experiência com a morte é sempre uma experiência fora de nós, portanto, reflete nossos medos, nossas crenças, nossas cegueiras. Quando a nossa morte chega, percebemos que ela sempre esteve lá, que é parte da vida, que uma ou outra eram linguagens de uma coisa só.
É preciso pacificar-se com a vida para deixar de ter medo da morte.

Anúncios

Um comentário em “Tudo a mesma coisa

  1. Verdade nessas palavras pois já estive lado a lado com a morte e bem sei disso por este motivo concordo com elas, mas faltou um detalhe, ela a morte tem cheiro !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s