Buscas que cessam

236022140_eb94792751_z

Um dia o jovem envelhece, as cores desbotam, a novidade perde a graça e a gente continua querendo mais. Insaciáveis bebemos em todas as fontes, experimentamos todos os gostos, vamos à todos os lugares, mas a busca não cessa e nos consome. Melhor encontrar na gente um lugar de paz. Nesse dia, não importa a distância, toda casa é lar, toda cidade é familiar, todos os rostos serão meus amigos. Não tenho inimigos pois todos os homens e mulheres, tudo o que existe, tudo o que é calou-se em mim. Aquietaram-se. No dia em que fiz as pazes comigo não precisei mais buscar e, sem buscas, desfiz as guerras. Todas elas. Encontrei-me.

Anúncios

2 comentários em “Buscas que cessam

  1. … pensando bem! Encontrar-se são momentos!
    Por razões da nossa própria natureza, não conseguimos permanecernestes por muito tempo, é o fluxo! Somos filhos do rio, somos filhos dos mares. As batalhas… as guerras… por si só se desfazem… se desconstroem … somos todos Don Quixote della Mancha … tudo são magníficos moinhos de vento…
    Obrigado por me fazer enxergar isso!
    Mp

  2. Quando me encontrei, percebi meus desencontros na vida…decisões e escolhas que exigiram muito de mim…por que? para que? onde cheguei? Bom…as dificuldades que encontrei ao longo do caminho, me levaram a um destino que jamais imaginei: eu mesma! É difícil, sofremos, encontramos a solidão, somos constantemente julgados, mas com liberdade eu passo a pertencer ao Universo e não aos caprichos dos seres humanos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s