Verdades

Nossas verdades nunca cabem no outro. Não completamente. Elas têm nossas impressões, nosso cheiro, nosso jeito de ver, de ser, de sentir. Carregam as digitais de quem viveu experiências específicas e consequentemente significados absolutamente únicos.

Elas têm as nossas formas, portanto, ainda que possam ajudar, nossas verdades são apenas nossas verdades, aplicáveis exclusivamente aos nossos caminhos.
Quando alguém ouve suas verdades e percebe alguma coisa, pode até ser que credite a mudança a você, mas não é bem assim. Agora a sua verdade ganhou outro olhar, modificou-se em perspectivas, conectou-se a outros cenários.

Tem uma forma nova, talvez semelhante a original, mas completamente única porque a sua verdade virou verdade do outro. Deixa de ser nossa, ou minha, ou sua.

Isso é lindo! (Trecho do livro O menino que anseia pelo céu)

Anúncios

Um comentário em “Verdades

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s