O que não cabe em mim

Os mares não cabem em mim, nem o céu pode ser reduzido à minha compreensão. Não sei as medidas do infinito, nem o significado de eternidade, mas estranhamente tudo o que não sei, cabe em algum lugar de minha consciência e a preenche. Me empresta significados que eu jamais saberia explicar e mesmo assim se projeta em aspirações tão intimas, tão pessoais, tão presentes em tudo o que sou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s