Obrigado por voar comigo

Agora há pouco lembrei de um pensamento frequente quando comecei esse meu trabalho. “Não tenho nenhuma ideia de onde isso vai, mas sinto que preciso ir.” Hoje, anos depois, pensando do mesmo jeito, simplesmente vou: Caminhar é o sentido.
Já tive alguns planos, já imaginei que disso eu poderia fazer aquilo, que deveria crescer, falar com mais gente, dar um passo pensando em outro.
Felizmente a pouca ambição foi substituída pela liberdade.
Quando estou preso nas “metas” tudo o que faço é para
que se realizem.
Quando me desprendo, simplesmente caminho e então coisas
lindas e inesperadas acontecem.
Pensei nisso por conta do programa da rádio hoje, que não coube nas tradicionais duas horas e avançou com tranquilidade.
Tem sido especial esse contato, as exposições, as contradições, o carinho de tanta gente querida que se manifesta pelos
diversos canais.
Essa troca tem me melhorado na medida em que reforça a ideia de que, se amanhã tudo acabar, e dai? Podemos não ir à lugar nenhum, mas isso não importa diante do que temos hoje: os
movimentos, as perspectivas de ver, a percepção de que consciência é um movimento coletivo e se aprofunda enquanto caminhamos.
Quero continuar caminhando, quero continuar pequeno, livre, em alegria, em movimento; selvagem que não cabe em jaulas mas que precisa das asas e do céu para voar.
Obrigado por voar comigo.

flavio radio

 

Anúncios

3 comentários em “Obrigado por voar comigo

  1. Querido Flávio Siqueira, os seus Voos estão nos dando asas todos os dias, meu Amigo, e Ajudando muita gente à se desconstruir de seus condicionamentos infantis, que na Vida adulta não faz mais sentido algum. Infelizmente, muita gente senta a madeira no seu trabalho com alegações de que Você está tentando converter as pessoas à abandonarem suas crenças religiosas, espirituais, enfim, mas, a sua mensagem é muito clara, Você está apenas nos Provocando à nos descobrir, à caminharmos seguindo as nossas próprias sombras. Mas, Flávio, continue sempre no seu Trabalho, não se abata com os ruídos incomodados de gente incomodada, que com as suas ofensas, ódios e outras atitudes de má fé estão apenas se revelando. Muito Obrigada por tudo e a Nossa Gratidão pelo seu Trabalho é Enorme. De Sua Grande Amiga, Melissa Nunes e da Minha Mama Adelaide 🙂

  2. Poxa pelo título pensei que seria uma despedida a nós vagalumes e que estaria embarcando em outra jornada de sua vida. Ainda bem que ainda não chegou a hora, sentiremos falta!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s