Eu e o outro – Livro Duas Vidas

“Convivendo com as dores do outro, fui obrigado a enxergá-los como são e isso fez com que naturalmente me identificasse com suas fraquezas. Antes eu competia para provar quem tinha mais força, agora simplesmente me conecto a partir da dor. Lentamente comecei a perceber que quanto mais consciente da minha realidade, mais desconfortável em julgar quem quer que seja. Olhar para as próprias contradições aumentava minha tolerância com as contradições alheias.” – Livro Duas Vidas

eu-outro-825x510

Anúncios

Um comentário em “Eu e o outro – Livro Duas Vidas

  1. Bem, Flávio Siqueira e Inversos de Plantão, o que se pode dizer sobre esta Reflexão é que é muito importante a gente sentir essa Humildade e Simplicidade de sermos iguais e o próprio Cristo nos disse: “Amais ao Próximo como à Ti Mesmo”. Identificar as Nossas próprias fraquezas nos faz sentir unos aos outros, evitando disputas inúteis e sem vencedores e trazendo Paz e Amor à Todos Nós, apesar dos pesares. Um Grande Abraço à Todos Vocês e Fiquemos Muito Bem !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s