Se eu tivesse morrido há quarenta anos…

Anúncios

As oito bexigas

Todas sorriram na última foto. Sorriram sem saber que seria a última juntas. Ontem uma delas partiu sem aviso e sobrou a pele murcha, vazia; pálida semelhança com a que sorriu na última foto.

Agora elas velam. Com o tempo outras também partirão e a imagem da festa sobrará no retrato, ou na memória das que forem por último. Depois o retrato se perderá e ninguém mais falará sobre as oito bexigas da festa.
O que sobrou vai decompor, outras virão e terão o mesmo fim, como sempre acontece.
Ontem, quando uma delas partiu, rompeu a pele vermelha e voltou a ser sopro de menino. Libertou-se da embalagem festiva e ganhou ares, voltou a ser fôlego, enamorou-se do vento, voou.
Sobraram sete bexigas e elas choram suspensas no ar.